20 de jan de 2012

Nostalgia - com Bowie e Pat


Venho todos os dias pro trabalho escutando a Atlântida. Não é exatamente uma escolha. O rádio que temos no carro é dos mais vagabundos e está com problemas desde que compramos o carro (o rádio veio de “brinde”). Como sou muito “descansado”, vou deixando assim. E assim escuto vários dias da semana, lá pelas 7 e meia, 8 horas da manhã, o programa apresentado pelo “Mr. Pi”, Porã e Cagê. O Cagê já escutava algumas vezes na Itapema – ele apresenta um programa de rock e blues dos mais interessantes. O Pi também, em algumas madrugadas, com sua fauna de convidados e filosofanças. Esses três radialistas têm história, como vocês sabem. E o som na Atlântida nesse horário matutino acaba por ter uns diferenciais bem marcantes em relação ao restante da grande parte da programação dessa FM da RBS. Tocam Led, Police, AC, Hendrix, Rush, Cure, Caetano, Chico Buarque – em plena manhãzinha. Claro que também toca uns sons do Jota Quest, por exemplo, que não curto e acho uma cópia mal-feita do Coldplay (mas devo alertar que não saco coisa alguma de música; opino baseado no meu [mal] gosto momentâneo ou alguma intuição sonora, digamos assim). Além do popurri de canções, o trio dá um dinamismo ao rádio, e que é a grande diferença do escutar-se uma lista gravada num pendrive, ou seja, ter pessoas ao vivo, interagindo contigo... (O chato é ter que levar junto na programação tanta propaganda-lixo nos “shows do intervalo” – show de horripilação e enfiação de poluição estética e ideológica, com honrosas exceções.)

Tudo isso pra dizer que esses dias eles tocaram um clássico “oitentista” do Bowie e Pat Metheny Group, This Is Not America. Meudeus!! Quanto tempo não escutava aquilo. Totalmente 1985, lembrando muito Bryan Ferry também. E me veio uma avalanche de lembranças. Como esses caras são bons fazendo pop! Bowie e Pat são fundamentais na cultura musical contemporânea – ao menos na minha parca concepção.

A canção fez/faz parte da trilha sonora do filme (que nunca vi e nem sabia coisa alguma dele) A Traição do Falcão (The Falcon and the Snowman, EUA, 1985), estrelado por Sean Penn (novinho!), entre outras pessoas de referências do cinemão americano e mundial. A trilha do filme é do Pat Group e existe um álbum (com o mesmo título do filme - na ilustração da postagem) onde está em destaque o This Is Not...

Segue um endereço do Youtube com a canção em sua versão original, onde vai rolando imagens do filme. Tem outras, até uma ao vivo do Bowie e sua banda (formação mais recente). Mas fico com a da gravação original, por ter todo o climão, as sonoridades dos meados de 1980 - uma época onde eu e meus amigos de então estávamos no auge da juventude, já entrando, devagarinho, no mundo adulto, cheios de hesitações e expectativas...

http://www.youtube.com/watch?v=MJRF8xGzvj4/

Nenhum comentário: